A outra face da Queda do Muro de Berlim


Ontem (09/11/2009) foi comemorado a Queda do Muro de Berlim, em seu 20° aniversário, porém não acredito que há tanto a se comemorar assim, pelo menos pelo que se passou nos canais abertos de televisão.
Nos noticiários a fora o motivo era de grande euforia e alegria: alemães comemoram, artistas comemoram, políticos comemoram, enfim, parece que todo mundo está muito contente com tudo isso. Agora, vá perguntar aos moradores do leste da Alemanha se eles tem motivos para comemorar? Provavelmente as respostas seriam divididas, porém o que surpreende é que o nível de insatisfação lá é muito grande.
A Queda do Muro é um simbolismo, não sou besta em acreditar que ele mudou a ordem mundial de fato, esta foi transformada com a falência do comunismo e com a hegemonia estadunidense, ou seja, amiúde a vitória do capitalismo sobre o socialismo. Levou à crise da esquerda, das idéias socialistas, e levou até a voz embriagada de Fukuyama decretar "O Fim da História". Mas como não vivemos em conto de fadas, a história não possui fim e está aí para provar aos mais lúcidos.
Um bom exemplo disso é o recrudescimento da esquerda na Alemanha, que está a cada dia mais forte, como também a opinião dos moradores da Alemanha do Leste e Oriental, uma pesquisa recente constatou que 1/3 (hum terço) da população da Alemanha Oriental deseja o retorno do Muro de Berlim, pois pelo menos naquele período tinha garantia de emprego, renda, moradia e alimentação.
O maior pesar da "Alemanha estrangeira" é em relação à instabilidade do mercado, já que qualquer aparente crise já abala a economia, e consequentemente ocorre alto índice de desemprego. Enfim, eles não estão seguros de sua vida. Antes sob a ditadura do Socialismo Real, hoje sob a ditadura do capital, afinal, qual é o pior?
No fim das contas a Queda do Muro de Berlim foi um grande fracasso para a Alemanha, que até hoje não conseguiu reestruturar a Alemanha Oriental, e promete essa melhora pra daqui 10-20 anos. Berlim que era uma cidade próspera e com futuro, hoje não mais corresponde às expectativas.
Então, o capitalismo venceu ou não venceu o socialismo? Se venceu, onde está o equilíbrio da situação? A crise de 2008 foi um golpe para Alemanha, que ainda sofre terrivelmente com as conseqüências dela, o desemprego é altíssimo, e a população reclama. Mas, mesmo assim, a mídia propagandeou toda a festa comemorativa pela queda do Muro, e dá a entender que lá vai tudo muito bem, porém não é bem assim, e temos que ficar de olho para não sermos enganados de forma tão simples.
Não estou fazendo apologia ao Socialismo Real, de forma alguma, sempre tive minha posição crítica a ele, como tenho ao capitalismo, mas uma pergunta não quer calar, está mesmo valendo a pena esse sistema na Alemanha? Ou a época que o muro estava nas alturas não é lembrado com grande nostalgia e vontade de voltar no tempo? Infelizmente, não posso responder, apenas uma alemão oriental.

Vai em anexos alguns links de notícias relacionadas a essa questão, e não se assustem, é da Globo.

Notícia 1 - Sobre a nostalgia
Notícia 2 - Sobre a Queda do Muro de Berlim

E como presente, vai em anexo uma entrevista com o mestre Eric Hobsbawm explicando porque a Queda do Muro de Berlim desestabilizou a ordem mundial, esse vale muito a pena ler, e nem conservador ousa confrontar intelectualmente o "velhinho" historiador socialista.

Entrevista Hobsbawm

Sem mais.

11 comentários:

Nikita disse...

Oi amor, tá legal o post, aprendi mais um pouco com você. Nem sei muita coisa a respeito disso. hehehe Beijosss (L).

Emerson Menezes disse...

Oi Breiner!

Muito boas as tuas considerações sobre este assunto. Confesso-te que fez-me refletir melhor sobre o tema.

Não sabia, por exemplo, desses números, sobre o grau de insatisfação dos alemães, principalmente os do Leste e da Oriental.

É bom que para além do oba-oba, que geralmente se fazem nessas datas, aproveita-las para uma reflexão mais aprofundada, das causas, e principalmente, dos efeitos posteriores.

Obrigado pela reflexiva aula de História.

Abraço grande!

Kaissa Oliveira disse...

Muito bom o post, e tb agradeço pela reflexiva aula de história .

Cuchila blogspot disse...

sou de sabará,coladinho ae em bh, boa matéria ...acesse nosso blog tbm

www.cuchila.blogspot.com

estamos te seguindo e comentando!

Hugo Simões disse...

Legal seu blog cara, estou visitando uns blogs novos, achei interessante seu post. A discussão do Muro de Berlim está forte agora, achei legal você ter falado do Fukuyama, aquele livro é muito perigoso, tem gente que realmente sai dele acreditando na vitória total da democracia burguesa. Parabéns, abraço!

Contos e canções disse...

Viva a união, liberdade e a força...

A Alemanha ao se unir deu prova histórica disso...

Breiner77 disse...

"Viva a união, liberdade e a força...

A Alemanha ao se unir deu prova histórica disso..."


Não é bem o que o povo da Alemanha Oriental acha, pelo contrário, se sentem excluídos e desfavorecidos pela política alemã, ou seja, estrangeiros dentro de sua própria nação.
Como já disse, sou contra o Socialismo Real, como sou contra o capitalismo selvagem, juntamente com a nossa vida a mercê do deus do mercado. Minha proposta no post foi abrir uma reflexão, não tive em nenhum momento intenção de fazer apologia.
Abraço

Gabriel disse...

Oi Breiner.
Achei muito bacana esta sua discussão voltada não só para a euforia da festa de comemoração dos 20 anos da queda do muro. Entender as consequências deste fato também é importante. Valeu também pela indicação da leitura da entrevista de Eric Hobsbawn.
Postei uma série de matérias sobre a queda do muro em meu blog Suburbano Digital.

mercitcha disse...

Assim caminha a humanidade....to back!

fabiano.marcos disse...

salve bLenin Nietzcanti! Puta véio muito foda esse seu blog!Até que enfim eu consegui postar meu comentário!
achei que o povo havia esquecido os 20 anos da queda do muro, mas você lembrou! Parabéns pelo blog, se melhorar estraga!lembra do Linguarudo? forte abraço!fenix459@yahoo.com.br

Ana Lucia Nicolau disse...

ótimo texto, gostei da forma como você abordou o assunto....realmente faz com que reflitamos sobre o assunto....
abs

 
BlogBlogs.Com.Br